terça-feira, 10 de junho de 2008

Permissividade de Deus

PERMISSÃO DE DEUS
Nada se faz sem a permissividade de Deus. Por mais que os cientistas da linhagem contrária se limitem em dizer que tudo tem que ser provado pela ciência em detrimento da fé e filósofos com a mentalidade iluminista afirmem que o homem tem o pensamento livre, porém obtendo conhecimento apenas por intermédio da razão humana, a verdade é essa: Tudo que acontece, acontece por causa da permissão de um ser supremo: O criador.
Por isso o crente deve dizer sempre: Se Deus quiser farei isso ou aquilo.

FRASE INSPIRADA
Está no livro Ensaio Apologético, página 23: O ser humano que segue inflexivelmente a busca da razão em direção ao seu fim é ateu ou, na melhor das hipóteses, agnóstico.

RECLAMANDO DE DEUS - I
Quando Deus mandou Moisés e Arão tirarem o povo do Egito em direção à terra prometida, os israelitas murmuraram dos dois, afirmando: Vocês (Moisés de Arão) nos trouxeram a este deserto para fazer morrer de fome toda esta multidão (Ex 16:3b). Só que, com essa postura, os israelitas estavam reclamando de Deus, pois foi Ele quem determinou a viagem pelo deserto.

RECLAMANDO DE DEUS – II
Deus ouviu as reclamações dos israelitas e não deixou faltar comida, calçados etc. mandou maná, cordonizes para os alimentar e água para “matar” sua sede. Contudo, os israelitas, teimosos e rebeldes, continuavam murmurando, pensando em voltar para o Egito.

HOJE NÃO É DIFERENTE!
Muita gente, já convivendo com o evangelho há anos, reclama do Senhor quando o sapato começa a apertar. E como os israelitas que saíram do Egito, os de hoje logo pensam em desistir, afirmando: Quando eu não era crente a minha vida não tinha tantos problemas. Tinha, sim! O que acontecia é que a cegueira espiritual era tão grande que não se dava conta da magnitude do problema.
Mas eu tenho um conselho: Não voltes para o Egito. Se com Deus você acha que está difícil, imagine sua vida sem a direção divina. Será um inferno. Com certeza!

ACONTECEU EM PARNAÍBA
Em Parnaíba, interior do Piauí, acontece cada coisa inacreditável. Recentemente, uma igreja fez consagração, vigília e tudo que tinha direito, pedindo a Deus para tirar um determinado pastor de outra igreja. De ministério diferente!
A justificativa era a de que o pastor não merecia estar passando pelas humilhações e sendo perseguido pelos próprios membros da igreja que estava dirigindo.
E tem isso no meio evangélico? Que coisa!

SER PASTOR...
...É o título do livro do pastor Pedro Mendes, que está à venda pela Editora Batista Independente. Li o livro e pude tirar muitas lições para a minha vida ministerial. É um tratado excelente sobre a vocação pastoral, embasada na vasta experiência que o autor possui na área.
Aos meus colegas pastores, a indicação. Façam como eu: Leia o livro Ser Pastor e aprendam com a experiência de quem já está calejado com o ministério do bem cuidar.

A Editora Batista Independente lançou também “Mulheres e Suas Experiências com Deus”, mas ainda não o conheço. Pelo título, uma boa pedida! (pedidos: editora@cibi.org.br ou 19 – 3296 1560).

DE MADRUGADA TAMBÉM
Semeia pela manhã a tua semente e à tarde não repouses a mão, porque não sabes qual prosperará – Eclesiastes 11:6. Eu acrescento ainda: De madrugada, como agora, também podemos semear a preciosa da Palavra de Deus através de reflexões.
Aliás, tem ovelha que chega à casa do pastor às 7 ou 8 horas e o encontra dormindo. E, curioso, pergunta: dormindo a esta hora pastor? Mas dificilmente pergunta a que horas ele foi dormir. Engraçado!
Essas ovelhas nem sabem que existem pastores que gastam tempo na meditação, estudo da palavra e outras coisitas mais justamente para lhes dar uma boa alimentação no momento da pregação ou da ministração de um estudo.

MINHA GRATIDÃO
Concluo a coluna de hoje agradecendo aos pastores Marcos Damião, Marcelo Holanda, Ronie Batista e Sidnei Nunes, da Igreja O Brasil para Cristo; Jorge Noda, da Igreja Presbiteriana do Brasil; Jamilson Silva, da Igreja do Nazareno; Ivandro Costa, da Igreja Batista Nacional; Átila Vieira e Everaldo Trajano, da Igreja Batista Independente Getsêmani; e Gilberto Abrantes, da Igreja Batista Betel; o irmão Márcio Nunes, da Igreja Evangélica Congregacional El-Shaddai, todos lá em Campina Grande-PB, e tantos outros amigos espalhados pelo Brasil, a exemplo de Carlos Alberto, em São Paulo, o paraibano Marinaldo, radicado no Rio de Janeiro, e o irmão Adão, em Goiânia (GO), que tem nos abençoado com o envio de bíblicas e harpas cristãs.

Obrigados a todos pelas orações a Deus intercedendo por mim e a minha família, aqui em Parnaíba-PI. Em breve estaremos de volta à Rainha da Borborema. Se esta for mesmo a vontade de Deus.

O meu amor seja com todos os (leitores desta coluna) em Cristo Jesus – 2 Co 16:24.

Pastor Gomes Silva é jornalista profissional (DRT/PB nº 1.048) e coordenador de Comunicação da Visão Nacional Para a Consciência Cristã – VINACC; e Especialista em Comunicação Educacional pela Universidade Estadual da Paraíba – UEPB.